Quantos anos tem que nós nos casamos ???

Daisypath - Personal pictureDaisypath Anniversary tickers

quinta-feira, 5 de dezembro de 2013

Ele é desses...




- Posted using BlogPress from my iPhone

quinta-feira, 28 de novembro de 2013

Eu não existo sem você


Eu sei e você sabe, já que a vida quis assim
Que nada nesse mundo levará você de mim
Eu sei e você sabe que a distância não existe
Que todo grande amor
Só é bem grande se for triste
Por isso, meu amor
Não tenha medo de sofrer
Que todos os caminhos
Me encaminham pra você


Assim como o oceano
Só é belo com luar
Assim como a canção
Só tem razão se se cantar
Assim como uma nuvem
Só acontece se chover
Assim como o poeta
Só é grande se sofrer
Assim como viver
Sem ter amor não é viver
Não há você sem mim
Eu não existo sem você...









Quando eu olho para vocês, Isabela e Juliana

Quando Eu Olho Para Você

Todo mundo precisa de inspiração
Todo mundo precisa de uma canção
Uma bela melodia
Quando a noite é tão longa
Porque não há nenhuma garantia
Que essa vida é fácil

Sim, quando meu mundo está caindo aos pedaços
E não há luz para quebrar a escuridão
É quando eu, eu, eu olho para você
Quando as ondas estão inundando o litoral e eu
Não consigo encontrar o meu caminho de casa
É quando eu, eu, eu olho para você

Quando eu olho para você
Eu vejo o perdão
Eu vejo a verdade
Você me ama por quem eu sou
Como as estrelas seguram a lua
Bem ali, onde elas fazem parte, e eu sei
Eu não estou sozinha

Sim, quando meu mundo está caindo aos pedaços
E não há luz para quebrar a escuridão
É quando eu, eu, eu olho para você
Quando as ondas estão inundando o litoral e eu
Não consigo encontrar o meu caminho de casa
É quando eu, eu, eu olho para você

Você aparece como um sonho para mim
Como as cores de um caleidoscópio
Provam para mim
Tudo que eu preciso
Cada respiração que eu dou
Você não sabe?
Você é linda !!!

Vocês são lindas e eu amo vocês!!!!  (Deda)

terça-feira, 19 de novembro de 2013

Apenas mais uma de amor...

Te amo, minha netinha...


Eu gosto tanto de você
Que até prefiro esconder
Deixo assim, ficar
Subentendido
Como uma idéia que existe na cabeça
E não tem a menor obrigação de acontecer
Eu acho tão bonito isso
De ser abstrato, baby
A beleza é mesmo tão fugaz
É uma idéia que existe na cabeça
E não tem a menor pretensão de acontecer
Pode até parecer fraqueza
Pois que seja fraqueza então
A alegria que me dá
Isso vai sem eu dizer
Se amanhã não for nada disso
Caberá só a mim esquecer
O que eu ganho, o que eu perco
Ninguém precisa saber
Eu gosto tanto de você
Que até prefiro esconder
Deixo assim ficar
Subentendido
Como uma idéia que existe na cabeça
E não tem a menor pretensão de convencer
Pode até parecer fraqueza
Pois que seja fraqueza então
A alegria que me dá
Isso vai sem eu dizer
Se amanhã não for nada disso
Caberá só a mim esquecer
E eu vou sobreviver
O que eu ganho, o que eu perco
Ninguém precisa saber...

- Posted using BlogPress from my iPhone

Quando te vi... (Minha netinha)




Nem o sol
Nem o mar
Nem o brilho
Das estrelas
Tudo isso
Não tem valor
Sem ter você...
Sem você
Nem o som
Da mais linda
Melodia
Nem os versos
Dessa canção
Irão valer...
Nem o perfume
De todas as rosas
É igual
À doce presença
Do seu amor...
O amor estava aqui
Mas eu nunca saberia
Do que um dia se revelou
Quando te vi...
Nem o perfume
De todas as rosas
É igual
À doce presença
Do seu amor...
O amor estava aqui
Mas eu nunca saberia
Do que um dia se revelou.


- Posted using BlogPress from my iPhone

quarta-feira, 30 de outubro de 2013

Minha neta...




A saudade é dor pungente, morena
A saudade mata a gente, morena
A saudade é dor pungente, morena
A saudade mata a gente...

- Posted using BlogPress from my iPhone

terça-feira, 29 de outubro de 2013

O Sol




Ei, dor!
Eu não te escuto mais
Você não me leva a nada
Ei, medo!
Eu não te escuto mais
Você não me leva a nada
E se quiser saber
Pra onde eu vou
Pra onde tenha Sol
É pra lá que eu vou
Ei, medo!
Eu não te escuto mais
Você não me leva a nada
Ei, medo!
Eu não te escuto mais
Você não me leva a nada
E se quiser saber
Pra onde eu vou
Pra onde tenha Sol
É pra lá que eu vou
É pra lá que eu vou
E se quiser saber
Pra onde eu vou
Pra onde tenha Sol
É pra lá que eu vou
Yeah! Han!
Caminho do Sol, eh!
Lá lararará!
Caminho do Sol, eh!
E se quiser saber
Pra onde eu vou
Pra onde tenha Sol
É pra lá que eu vou
E se quiser saber
Pra onde eu vou
Pra onde tenha Sol
É pra lá que eu vou
É pra lá que eu vou
Lá lararará, lararará
É pra lá
É pra lá que eu vou
Lá lararará, lararará
Aonde eu vou?
Aonde tenha Sol
É pra lá que eu vou
Lá lararará, lararará
É pra lá
É pra lá que eu vou
Lá lararará, lararará
É pra lá que eu vou
É pra lá que eu vou
Lá lararará, lararará

http://youtu.be/wPBFZldSsMI



- Posted using BlogPress from my iPhone

domingo, 27 de outubro de 2013

Celso




Era um rapaz
Olhos claros bem azuis
Andava só
Uma gaita em sua mão
Ouça sua linda canção
Olhos tristes no chão
E caminha sozinho
Ouça lá vai ele a tocar
Notas tristes no ar
É assim que pede amor
Caminha só
Ninguém sabe de onde vem
Triste a tocar
Pela rua sem ninguém
Sente que uma lágrima vem
O seu rosto molhar
Como a chuva que cai
Ouça lá vai ele a tocar
Notas tristes no ar
É assim que pede amor
Toca, toca só pra mim...
Ouça sua linda canção
Olhos tristes no chão
E caminha sozinho
Ouça lá vai ele a tocar
Notas tristes no ar
É assim que pede amor
Toca, toca só pra mim...


Composição: Fernando Arbex / Sérgio Reis

http://youtu.be/mKV30dY0TVs




- Posted using BlogPress from my iPhone

quinta-feira, 24 de outubro de 2013

O tempo é eterno...




- Posted using BlogPress from my iPhone

quarta-feira, 23 de outubro de 2013

Te amo!!!










"Já não se encantarão os meus olhos nos teus olhos,
já não se adoçará junto a ti a minha dor.

Mas para onde vá levarei o teu olhar
e para onde caminhes levarás a minha dor."

Te amo!!!!

- Posted using BlogPress from my iPhone

terça-feira, 22 de outubro de 2013

Pássaro de Fogo



Vai se entregar pra mim

Como a primeira vez
Vai delirar de amor
Sentir o meu calor
Vai me pertencer

Sou pássaro de fogo

Que canta ao teu ouvido
Vou ganhar esse jogo
Te amando feito um louco
Quero teu amor bandido

Minha alma viajante, coração independente

Por você corre perigo
Tô afim dos teus segredos
De tirar o teu sossego
Ser bem mais que um amigo

Não diga que não

Não negue a você
Um novo amor
Uma nova paixão
Diz pra mim

Tão longe do chão

Serei os teus pés
Nas asas do sonho rumo ao teu coração
Permita sentir
Se entrega pra mim
Cavalgue em meu corpo, minha eterna paixão

Vai se entregar pra mim

Como a primeira vez
Vai delirar de amor
Sentir o meu calor
Vai me pertencer

Sou pássaro de fogo

Que canta ao teu ouvido
Vou ganhar esse jogo
Te amando feito um louco
Quero teu amor bandido

Minha alma viajante, coração independente

Por você corre perigo
Tô afim dos teus segredos
De tirar o teu sossego
Ser bem mais que um amigo

Não diga que não

Não negue a você
Um novo amor
Uma nova paixão
Diz pra mim

Tão longe do chão

Serei os teus pés
Nas asas do sonho rumo ao teu coração
Permita sentir
Se entrega pra mim
Cavalgue em meu corpo, minha eterna paixão

Tão longe do chão

Serei os teus pés
Nas asas do sonho rumo ao teu coração
Permita sentir
Se entrega pra mim
Cavalgue em meu corpo, minha eterna paixão...


Não me deixe só...
















Não me deixe só
Eu tenho medo do escuro
Eu tenho medo do inseguro
Dos fantasmas da minha voz 
Não me deixe só
Tenho desejos maiores
Eu quero beijos intermináveis
Até que os olhos mudem de cor
Não me deixe só
Eu tenho medo do escuro
Eu tenho medo do inseguro
Dos fantasmas da minha voz
Não me deixe só
Que o meu destino é raro
Eu não preciso que seja caro
Quero gosto sincero do amor
Fique mais, que eu gostei de ter você
Não vou mais querer ninguém
Agora que sei quem me faz bem
Não me deixe só
Que eu saio na capoeira
Sou perigosa, sou macumbeira
Eu sou de paz, eu sou de bem mas...
Não me deixe só
Eu tenho medo do escuro
Eu tenho medo do inseguro
Dos fantasmas da minha voz 
Ah ah.ah ah ah ah ah aah
Ah ah.ah ah ah ah ah aah
Ah ah.ah ah ah ah ah aah
Fique mais, que eu gostei de ter você
Não vou mais querer ninguém
Agora que sei quem me faz bem
Não me deixe só
Que eu saio na capoeira
Sou perigosa, sou macumbeira
Eu sou de paz, eu sou de bem mas...
Não me deixe só
Eu tenho medo do escuro
Tenho medo do inseguro
Dos fantasmas da minha voz
Ah ah.ah ah ah ah ah aah
Ah ah.ah ah ah ah ah aah
Ah ah.ah ah ah ah ah aah





- Posted using BlogPress from my iPhone

segunda-feira, 21 de outubro de 2013

Primavera

Meus dois amores...




O meu amor sozinho
É assim como um jardim sem flor
Eu queria poder ir dizer à ela
Como é triste se sentir saudade
É que eu gosto tanto dela
Que é capaz dela gostar de mim
E acontece que eu estou mais longe dela
Que da estrela a reluzir na tarde
Estrela, eu lhe diria
Desce à terra o amor existe
E a poesia só espera ver
Nascer a primavera
Para não morrer
Não há amor sozinho
É juntinho que ele fica bom
Eu queria dar- lhe todo o meu carinho
Eu queria ter felicidade
É que o meu amor é tanto
É um encanto que não tem mais fim
No entanto ela nem sabe que eu existo
Que é tão triste se sentir saudade
Amor, eu lhe direi
Amor, que eu tanto procurei
Ai, quem me dera
Se eu pudesse ser
A sua primavera
E depois morrer...




- Posted using BlogPress from my iPhone


quarta-feira, 16 de outubro de 2013

Os versos que te dou




Ouve estes versos que te dou, eu
os fiz hoje que sinto o coração contente
enquanto teu amor for meu somente,
eu farei versos...e serei feliz...

E hei de fazê-los pela vida afora,
versos de sonho e de amor, e hei depois
relembrar o passado de nós dois...
esse passado que começa agora...

Estes versos repletos de ternura são
versos meus, mas que são teus, também...
Sozinha, hás de escutá-los sem ninguém que
possa perturbar vossa ventura...

Quando o tempo branquear os teus cabelos
hás de um dia mais tarde, revivê-los nas
lembranças que a vida não desfez...

E ao lê-los...com saudade em tua dor...
hás de rever, chorando, o nosso amor,
hás de lembrar, também, de quem os fez...

Se nesse tempo eu já tiver partido e
outros versos quiseres, teu pedido deixa
ao lado da cruz para onde eu vou...

Quando lá novamente, então tu fores,
pode colher do chão todas as flores, pois
são os versos de amor que ainda te dou.


Os versos que te dou

(J. G. de Araújo Jorge)













- Posted using BlogPress from my iPhone

segunda-feira, 14 de outubro de 2013

O verdadeiro sentido da amizade

Se eu morrer antes de você, faça-me um favor. Chore o quanto quiser, mas não brigue com Deus por Ele haver me levado. Se não quiser chorar, não chore. Se não conseguir chorar, não se preocupe. Se tiver vontade de rir, ria. Se alguns amigos contarem algum fato a meu respeito, ouça e acrescente sua versão. Se me elogiarem demais, corrija o exagero. Se me criticarem demais, defenda-me. Se me quiserem fazer um santo, só porque morri, mostre que eu tinha um pouco de santo, mas estava longe de ser o santo que me pintam. Se me quiserem fazer um demônio, mostre que eu talvez tivesse um pouco de demônio, mas que a vida inteira eu tentei ser bom e amigo. Se falarem mais de mim do que de Jesus Cristo, chame a atenção deles. Se sentir saudade e quiser falar comigo, fale com Jesus e eu ouvirei. Espero estar com Ele o suficiente para continuar sendo útil a você, lá onde estiver. E se tiver vontade de escrever alguma coisa sobre mim, diga apenas uma frase : ' Foi meu amigo, acreditou em mim e me quis mais perto de Deus !' Aí, então derrame uma lágrima. Eu não estarei presente para enxuga-la, mas não faz mal. Outros amigos farão isso no meu lugar. E, vendo-me bem substituído, irei cuidar de minha nova tarefa no céu. Mas, de vez em quando, dê uma espiadinha na direção de Deus. Você não me verá, mas eu ficaria muito feliz vendo você olhar para Ele. E, quando chegar a sua vez de ir para o Pai, aí, sem nenhum véu a separar a gente, vamos viver, em Deus, a amizade que aqui nos preparou para Ele. Você acredita nessas coisas ? Sim??? Então ore para que nós dois vivamos como quem sabe que vai morrer um dia, e que morramos como quem soube viver direito. Amizade só faz sentido se traz o céu para mais perto da gente, e se inaugura aqui mesmo o seu começo. Eu não vou estranhar o céu . . . Sabe porque ? Porque... Ser seu amigo já é um pedaço dele !
Vinicius de Moraes


Confira este vídeo no YouTube:

http://youtu.be/pmDBXRW9axI


Enviado via iPhone













- Posted using BlogPress from my iPhone

Balde de gelo




Hoje, arrumando a minha mudança, me deparei com um balde de gelo, de cristal, que estava no armário da sala ... Detalhe, ganhei de presente de casamento ... Tenho 33 anos de casada! Sabe há quanto tempo eu não via este balde? Pelo menos há uns três anos! Rsrsrs agora eu te pergunto, pra que está guardado, se eu não uso ? Eu uso mal e porcamente o que está por cima!!!!
Me sinto tão materialista quando vejo estas coisas guardadas !!!!

E quando eu morrer, vai ficar tudo por aí! Pra que tantas coisas????

Além de limpar a memória eu preciso urgentemente esvaziar este ambiente!!!!


- Posted using BlogPress from my iPhone

quinta-feira, 10 de outubro de 2013

Desculpe, Mas eu Vou Chorar


Desculpe, Mas eu Vou Chorar

Leandro & Leonardo




As luzes da cidade acessa
Clareando a foto sobre a mesa
E eu comigo aqui trancado nesse apartamento
Olhando o brilho dos faróis
Eu me pego a pensar em nós
Voando na velocidade do meu pensamento



E saio a te procurar
Nas esquinas, em qualquer lugar
E às vezes chego a te encontrar num gole de cerveja
E quando vem a lucidez
Estou sozinho outra vez
E então eu volto a conversar com minha tristeza



Vou chorar
Desculpe, mas eu vou chorar
Não ligue, se eu não te ligar
Faz parte dessa solidão
Vou chorar
Desculpe, mas eu vou chorar
Na hora em que você voltar
Perdoe o meu coração...

quarta-feira, 9 de outubro de 2013

Bebé e Juju








"Pois as distâncias não existem para a recordação; e somente o esquecimento é um abismo que nem a voz nem o olho podem atravessar."



- Posted using BlogPress from my iPhone

terça-feira, 8 de outubro de 2013

Não se Esqueça de Mim





Onde você estiver, não se esqueça de mim
Com quem você estiver não se esqueça de mimEu quero apenas estar no seu pensamento
Por um momento pensar que você pensa em mim Onde você estiver, não se esqueça de mim
Mesmo que exista outro amor que te faça feliz
Se resta, em sua lembrança, um pouco do muito que eu te quis
Onde você estiver, não se esqueça de mim
Eu quero apenas estar no seu pensamento
Por um momento pensar que você pensa em mim
Onde você estiver, não se esqueça de mim
Quando você se lembrar não se esqueça que eu
Que eu não consigo apagar você da minha vida
Onde você estiver não se esqueça de mim...

- Posted using BlogPress from my iPhone

domingo, 6 de outubro de 2013

Como uma onda...

"Nada do que foi será
De novo do jeito que já foi um dia
Tudo passa
Tudo sempre passará
A vida vem em ondas
Como um mar
Num indo e vindo infinito
Tudo que se vê não é
Igual ao que a gente
Viu há um segundo
Tudo muda o tempo todo
No mundo
Não adianta fugir
Nem mentir
Pra si mesmo agora
Há tanta vida lá fora
Aqui dentro sempre
Como uma onda no mar
Como uma onda no mar
Como uma onda no mar..."




Oi amor, realmente, mesmo que a gente não queira, tudo passa, tudo sempre passará !



- Posted using BlogPress from my iPhone

quinta-feira, 3 de outubro de 2013

Isabela




Te amo!!! Pra sempre!!!


- Posted using BlogPress from my iPhone

Location:Rio De Janeiro,Brasil

quarta-feira, 2 de outubro de 2013

quinta-feira, 12 de setembro de 2013

Para Isabela



Olha aqui
Preste atenção
Essa é a Nossa Canção
Vou cantá-la seja aonde for
Para nunca esquecer

O nosso Amor

O nosso Amor...

Veja bem, foi você
A razão e o porquê
De nascer esta canção assim
Pois você é o amor
Que existe em mim...

Você partiu
E me deixou
Nunca mais você voltou
Prá me tirar da solidão
E até você voltar
Meu bem eu vou cantar
Essa Nossa Canção!...

Hum Hum Hum!
Hum Hum Hum Hum!
Hum Hum Hum! Hum Hum Hum!
Larara! Larara!
Larara!

Veja bem, foi você
A razão e o porquê
De nascer esta canção assim
Pois você é o amor
Que existe em mim...

Você partiu
E me deixou
Nunca mais você voltou
Prá me tirar da solidão
E até você voltar
Meu bem eu vou cantar
Essa Nossa Canção!...



terça-feira, 10 de setembro de 2013

O amor é tudo que existe!






- Posted using BlogPress from my iPhone

Location:Rio De Janeiro,Brasil

Um agrado que recebi da amiga Vera Pagliuso...

Obrigada, simpatia!!!




- Posted using BlogPress from my iPhone

Não Está Sendo Fácil




Todo dia ao amanhecer
Quanto mais tento te esquecer
Mais me lembro
Não tem jeito ...
Desde quando eu te conheci
Nunca mais te tirei daqui
Do meu peito ...
De que jeito ...
Não está sendo fácil...
Não está sendo fácil...
Não está sendo fácil viver assim...
Você está grudado em mim ...
Quando tento me divertir
Nos lugares que eu quero ir
Você sempre está ...
De algum jeito está ...
Eu te encontro em qualquer canção
Você vive em meu coração
E eu aceito ...
Não tem jeito ...
Não está sendo fácil
Não está sendo fácil
Não está sendo fácil viver assim...
Você está grudado em mim ...
Se você ainda quiser voltar...
Não demora,eu não sei ficar ...
Desse jeito...não tem jeito...
Não precisa nem avisar...
Basta apenas você chegar...
Do seu jeito...qualquer jeito...
Não está sendo fácil...
Não está sendo fácil...
Não está sendo fácil viver assim...
Você está grudado em mim...




 - Posted using BlogPress from my iPhone

quarta-feira, 21 de agosto de 2013

CELSO...Não Quero Ver Você Triste...



 
  
Sente o céu, repara o Mar
Há muito mais pra eu te mostrar
Não chore não, não fique triste assim
Eu te amo tanto
Que teu pranto fez-se canto pra mim
Sorria por favor, tenha esperança
 
(Falado: Erasmo Carlos)
 
O que é que você tem, conta pra mim
Não quero ver você triste assim
Não fique triste, o mundo é bom
A felicidade até existe
Enxugue a lágrima, pare de chorar
Você vai ver que tudo vai passar
Você vai sorrir outra vez ,
Que mal alguém lhe fez, conta pra mim
Não quero ver você triste assim ...
Sente o céu e esse é o luar
Que eu quero ver no teu olhar
Eu só queria ter você pra mim
Eu te amo tanto
Que teu pranto fez-se canto pra mim
Sorria por favor, tenha esperança
 
(Falado: Erasmo Carlos)
 
Olha ,vamos sair?
Prá que saber aonde ir
Eu só quero ver você sorrir
Enxugue a lágrima, não chore mais
Olha que céu azul, azul até demais
Esqueça o mal, pense só no bem
Que assim a felicidade um dia vem
Agora uma canção, canta pra mim
Não quero ver você tão triste assim...